Entre pro time

Inter

Elenco do Inter precisa aprender a perder

Publicado

em

Ricardo Duarte/Inter

Todo mundo lembra do Inter campeão de 2006. Só que aquele time, assim como grande parte dos times campeões mundo afora, foi formado em cima de derrotas importantes.

Se voltarmos pra 2004, vamos lembrar daqueles caras que entraram tirando fotos e saíram goleados da Bombonera. Em 2005, foram roubados no Brasileirão. E até no próprio ano da conquista do seu maior título, perderam o Gauchão.

Isso mostra que saber perder é uma parte importante no futebol. Ninguém se desesperou, pelo contrário, aceitaram “a porrada” quando foi merecido e trabalharam pra conquistar.


E escrevo isso porque o time do Inter mostrou que não soube perder pro Ceará.

Não aceitar as vaias, brigar com torcedor, ir embora sem aplaudir e relembrar o elenco do ano passado na entrevista,  são atitudes de quem não está emocionalmente forte.

Guto costuma dizer que “tudo são processos no futebol”, numa tradução mais popular: “tudo é aprendizado”.

Sim, cada etapa vivida, cada jogo diferente, é importante pra esse time novo que está se formando.

Não importa se vários são experientes. É um elenco novo, um grupo de trabalho novo. Demora pra encaixar.

A direção já disse que vai manter esse elenco pra 2018. Pottker e Damião também pediram isso na coletiva.

É uma atitude correta dos dirigentes. Correta principalmente porque estes caras que estão agora no Beira-Rio precisam aprender, juntos, como perder e melhorar até vencer.

Faz parte do futebol, mas a tensão e o momento emocional atual impediu o elenco de aceitar ser criticado no último sábado.

Serão obrigados a crescer!

Facebook Comments

Fazer comentário

Comenta ai o que achou

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Destaque