Entre pro time

Grêmio

Direção marca reunião na segunda-feira para receber explicações dos jogadores

Publicado

em

Reprodução

Resumo da coletiva do vice Dênis Abrahão após a derrota pro Bahia:

  • Não jogou a toalha. Tem três jogos acreditando ainda. Entende que é possível, matematicamente.
  • Garantiu que tem resposta pra tudo que tá acontecendo, que sabe exatamente tudo que tá acontecendo, mas vai conversar a partir de segunda-feira, quando os jogadores se reapresentarem.
  • O que mais lhe preocupou foi o estado anímico na primeira meia hora de jogo.
  • O grande questionamento é que tudo foi feito pela direção. Falou até em vídeo motivacional feito pelo marketing. Sobre conversas coletivas e individuais. Usavam até o café da manhã para conversar com os atletas.
  • Segunda-feira vai ter nova reunião com todos os jogadores e vão querer saber o motivo da apatia, que não condiz com a história do clube. Perder faz parte, mas dessa maneira, não faz.
  • Os jogadores vão ter que dizer o que tá acontecendo. A direção não mediu esforços. Tudo que foi pedido, foi feito.
  • Entre as providências, citou que foram dois dias antes, hotel maravilhoso, voo fretado, poltronas maravilhosas. Citou reuniões, ensaios de jogadas, analise da equipe adversária. E começa o jogo com uma apatia geral.
  • Disse estar chateado, triste, mas deu o seu melhor. E vai dar seu melhor até o último jogo.
  • No vestiário, não era o momento de cobrar ninguém. Era o momento de levantar a cabeça e dar força pra todo mundo. Dizer que a chance é pequena, mas existe.
Facebook Comments

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Destaque