Entre pro time

Inter

Os milhões que o Inter terá que economizar e gastar no time de 2018

Publicado

em

Ricardo Duarte/Inter

O gasto para manter os times A e B do Inter é de R$ 9 milhões mensais. Só que esse valor vai aumentar muito em janeiro, quando 20 jogadores estão retornando de empréstimo.

Fora isso, ainda existe a necessidade de reforçar o elenco atual com 7 jogadores, dentre eles um lateral-direito, um zagueiro, um atacante de velocidade e um centroavante reserva pro Damião.

O vice de futebol Roberto Melo confirma que a direção observa desequilíbrios no grupo de jogadores e vai corrigir isso.


Então, a saída será liberar jogadores com salários altos, casos de Carlinhos, Carlos e Gutiérrez, por exemplo. E achar novos times para a grande maioria dos atletas emprestados, que não serão aproveitados. Casos dos volantes Anselmo e Fernando Bob, do atacante Aylon e o lateral-esquerdo Geferson, por exemplo.

Na realidade atual, a única maneira de manter uma folha na casa dos R$ 9 milhões, que é um padrão pagável, será vendendo um jogador. Dourado é o bola da vez. O jogador que todo mundo sonha em negociar. Se isso não acontecer, o Inter não termina 2018 com os salários em dia.

Facebook Comments

6 comentários

6 Comments

Comenta ai o que achou

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Destaque