Entre pro time

Grêmio

“Treta” financeira do Barcelona para driblar a UEFA dará muito dinheiro para o Grêmio

Publicado

em

Divulgação

Segundo a imprensa espanhola, a ida do Arthur para a Juventus está bem perto de acontecer. Será mesmo uma troca pelo Pjanic. O negócio, que parecia impossível até pouco tempo, mudou de rumo após duas conversas do jogador e os dirigentes do Barça e com a Juve.

Primeiro Arthur não recebeu nenhuma garantia no Barcelona. Ele queria ficar, é seu sonho lá, mas o clube espanhol disse que estava precisando de grana e que sua plano era até reduzir o investimento na próxima temporada.

Na reunião com a Juventus, o gremista ouviu que será o centro do time, vai jogar com frequência e, mais, ganhou um salário digno dos grandes na Europa. Atualmente, ganha pouco mais de 2 milhões de euros (R$ 12 milhões) líquidos por temporada. Agora, o jornal Marca publica que vai subir para incríveis 7 milhões de euros (R$ 42 milhões) limpos por ano. Isso dá R$ 3,5 milhões a cada 30 dias.


Arthur tá com 23 anos e vai assinar por cinco temporadas com a Juventus – Divulgação

E essa negociação tem uma informação mega importante pro Grêmio. Como eu disse, o Barcelona tá cheio de problemas financeiros. Li até uma reportagem lá onde um candidato à presidência deles afirmava que tinham que se cuidar pra não virar o novo Milan, que se perdeu na grandeza.

O fato é que, como tem estes problemas de grana, o Barcelona vai fazer uma troca Arthur x Pjanic com cada um dos clubes pagando pelos jogadores e os times irão anunciar as compras e vendas em datas diferentes. Tudo isso para driblar o Fair Play financeiro da UEFA.

Vou resumir:

  • Arthur será vendido por 80 milhões de euros para a Juventus. O Barcelona vai anunciar essa venda agora, no final da temporada, e contabilizar esse valor no balanço financeiro deles agora para “fechar” as contas do ano.
  • A Juventus vai vender o Pjanic para o Barcelona por 70 milhões de euros e vai anunciar isso apenas na próxima temporada. Basicamente o dinheiro vai ir e voltar, mas farão isso em “temporadas” diferentes.

Mas e por que esse trabalho? Apenas uma questão contábil. A UEFA fiscaliza muito os clubes e eles não podem gastar mais do que ganham. O City tá por ficar fora da Champions por gastar descontroladamente. Fazendo isso, irão driblar a UEFA.

A operação não é novidade. Ano passado aconteceu a mesma coisa quando o goleiro holandês Cillessen foi vendido na quarta para o Vallencia por 35 milhões e na quinta o goleiro brasileiro Netto foi comprado por 35 milhões de euros junto ao Vallencia.

Ok, mas e onde entra o Grêmio nisso tudo?

A ótima notícia para a direção gremista é que, como vai envolver dinheiro, vem grana pela formação do Arthur para a Arena. 3,5% do valor total. Se fosse uma troca de jogadores, não renderia nada.

Em um negócio de 80 milhões de euros (R$ 480 milhões), estamos falando de R$ 16,8 milhões para o Tricolor.

Ou seja, a “treta” financeira do Barcelona vai dar R$ 16,8 milhões já nos próximos dias para o Grêmio.

Duas coisas:

  • A única “má” notícia é que ainda tinham mais duas cláusulas no contrato que não serão alcançadas. Isso poderia dar mais 2 milhões de euros que agora não há mais essa chance.
  • Os números e valores ainda não foram oficializados, mas são as quantias faladas na imprensa. Só quando o martelo for batido é que saberemos a real.

Reprodução do jornal Marca

Facebook Comments

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Destaque