Entre pro time

Grêmio

Um jogo pra acabar com as dúvidas sobre o Grêmio

Publicado

em

Lucas Uebel/Grêmio

  • Bom, penso que agora todo mundo vai ter que admitir que o Grêmio não vai ser campeão Brasileiro. O time chegou a 30% do campeonato disputado e está a 11 pontos de distância do líder. E ah, o Galo também tem um jogo a menos. Olha, não tem como buscar. Essa é a dura realidade. O negócio do Grêmio será brigar pela vaga na Libertadores.
  • Não tem como ser campeão com jogando tantas partidas com o time reserva. Nem vou entrar no debate se isso é certo ou errado. Mas a realidade é que não tem como ganhar uma competição de 38 rodadas jogando toda hora com reservas. Mais uma vez a gente tem a realidade apontando isso.
  • Renato tirou o Pepê só aos 40 minutos do segundo tempo e colocou o Ferreira em campo. Não entendi porque esperar tanto pra colocar o Ferreira. Ele deveria ter feito essa troca bem antes. Tanto para descansar o Pepê como para dar ritmo pro Ferreira.
  • Mas destaco aqui que o Renato colocou Guilherme Azevedo e Rildo. Dois caras da base. O jogo já estava perdido mesmo. Mas tinha que dar rodagem pra essa galera.
  • Bem melhor que por o Luiz Fernando. Ele entrou, mas pouco fez. Aliás, até hoje não entendi essa contratação.
  • Falando sobre o jogo especificamente, foi a típica partida de sábado à noite. O Grêmio pelo menos estava uma rotação abaixo do que deveria.
  • Pra ajudar, ainda toma um gol onde o Paulo Victor defendeu uma bola que já tinha entrado e um segundo onde o goleiro deles lança num “chutão” pro Keno vencer o Matheus e matar o jogo.
  • Eu entendo usar três volantes em um jogo pontual, mas confesso que não sou fã de jogar assim com os volantes passadores que o Renato tem à disposição. Ninguém chega na área.
  • A única coisa que pode salvar a temporada gremista são Libertadores e Copa do Brasil. O Brasileirão, pra mim, já era.

Lucas Silva tá suspenso na próxima partida pela Libertadores – Lucas Uebel/Grêmio

Facebook Comments

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Destaque