Entre pro time

Grêmio

Um bastidor da vida de Kannemann explica muito do seu sucesso

Publicado

em

Lucas Uebel/Grêmio

Confesso que sou um fã do Kannemann pela maneira simples que ele resolve as coisas em vida. Ontem, após o presidente confirmar a sua renovação até final de 2020, um repórter o questionou também sobre isso e a resposta foi sensacional.

“Isso tem que falar com meu empresário, com o dirigente. Eu tô focado com o time. Eu faço meu trabalho, os demais que façam o trabalho deles.”

Embora pareça até meio “curto e grosso”, esse jeitão dele é natural, não é algo deselegante. Ele é simples mesmo.


Lembram quando o árbitro marcou o pênalti errado contra o Bahia? Ao invés de detonar o juiz, saiu do jogo dizendo que acontece, que os árbitros não vão acertar sempre.

Em outra data, um repórter perguntou sobre o sonho de jogar na Seleção Argentina e ele: “até os engenheiros sonham com isso.”

Na final da Copa do Brasil, o Erazo deu uma gravata nele e a resposta foi: “coisa do jogo”.

Por fim, entrevistei ele no Donos da Bola no começo deste ano e soube que ele olha os programas de debate na TV e dá risada. Ao contrário de vários outros boleiros que se irritam, ele aceita o que é válido e desconsidera as inúteis.

Explica muito do seu sucesso!

Facebook Comments

Fazer comentário

Comenta ai o que achou

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Destaque