Entre pro time

Grêmio

Romildo faz promessa por reforços e libera crédito para contratar mais jogadores

Publicado

em

Lucas Uebel/Grêmio

Frases do presidente Romildo, em entrevista direto do hotel da concentração gremista em Maceió:

  • “A gente vai ter necessidade de fazer alguma situação, de avançar um pouquinho, porque o Grêmio, embora tenha uma situação bastante esticada do ponto de vista orçamentário, tem crédito. Constituir crédito, fazer negócios que possa colocar no tempo, é uma situação muito importante para o Grêmio e o Grêmio pode fazer isso.”
  • “Então, o Grêmio não medirá esforços, não terá constrangimento de trazer jogadores que possam, dentro da sua avaliação, organizar um plantel bastante pronto para subir.”
  • “Nosso único objetivo esse ano é subir, é chegar entre os quatro. Nosso único objetivo, do que resta pra nós, é voltar e tá acabada a história. Isso pode ter um preço? Pode ter um preço. Esse preço será pago? Esse preço será pago.”
  • “Claro que dentro daquilo que sejam razoável, dentro daquilo que sejam contratações bem avaliadas. E isso posso te dizer que existe um consenso do Conselho de Administração e também do Conselho Deliberativo do clube.”
  • “O que nós temos, hoje, basicamente contratados: o Lucas Leiva e o Guilherme.”
  • “O Thaciano não retorna na condição de reforço, se retornar, se não tiver outra proposta, ele retorna na condição de jogador pertencente ao Grêmio. Mas no contexto que estamos vivendo hoje, é um jogador muito importante dentro de um sistema de força, de equilíbrio, de disputa, competitividade. Eu reputo esse jogador, como um jogador que vai nos ajudar bastante.”
  • “Depois, podemos examinar a situação de um lateral-direito, mais um atacante pelo lado, mais um meia armador. São situações que a própria situação vai indicar. O Grêmio tem jogadores neste sentido, de avaliação. Então, vamos ver o que se apresenta.”
  • “O Roger, a gente tem conversado com frequência a respeito disso e ele tem dito exatamente isso, que o que tem em casa hoje dá pra gente segurar, o que vem de reforço é bastante importante e se tivemos necessidade de mais alguma coisa, a gente vai conversar. Mas nós temos essa margem para fazer investimento sim.”
Facebook Comments

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Destaque