Entre pro time

Grêmio

Renovação travada, outra vai começar, números preocupantes do Maicon e especulações do Grêmio

Publicado

em

Lucas Uebel/Grêmio

  • A renovação do goleiro Brenno ainda não está fechada. Motivo? As muitas movimentações no próprio Grêmio que adiaram as conversas. Primeiro foi a saída do Renato, depois a nova composição do departamento de futebol com Marcos Herrmann. É verdade que as primeiras conversas foram feitas com Carlos Amodeo, CEO do Grêmio, só que ainda não finalizou pelas muitas mudanças. Porém, o cenário é otimista. Uma boa proposta, com plano de carreira, foi apresentada ao jogador. Tudo indica que agora no começo de maio o Brenno vai assinar por mais quatro ou cinco anos.
  • Outro que começará a debater sua situação é o volante Victor Bobsin. O contrato dele encerra no final do ano e a diretoria chamou o seu agente para negociar ao longo desta semana. Bobsin finalmente ganhou chance no time de cima e não decepcionou.
  • Renovar com Bobsin é fundamental também porque Maicon não consegue entregar o que se espera dele em número de partidas. Pra gente ter noção, do começo de 2020 pra cá, Maicon fez apenas 43 jogos. De janeiro de 2020 até abril de 2021, foram 90 partidas disputadas pelo Grêmio como um todo. E Maicon esteve em campo apenas na metade dos jogos. Destes, jogou os 90 minutos em só seis oportunidades: cinco jogos completos no Gauchão 2020 e jogou a final da Copa do Brasil, em São Paulo, todo o período. De resto, sempre é substituído.

Bobsin e Fernando Henrique subiram para o profissional após pedido do presidente na negociação para o Rafinha vir pro Grêmio – Lucas Uebel/Grêmio

  • Sobre reforços, a única coisa que sabemos é que vão vir novidades. Só que ainda não tem como bancar quais jogadores irão chegar. Eu sei que, após a saída do Renato, a direção chegou a repensar o nome do Borré. Isso porque Renato não era um entusiasta do argentino e isso pesou para a desistência gremista na época.
  • Fora isso, sei que, na semana passada, ligaram pro empresário do Roger Guedes também, mas não avançou porque os valores são surreais. O salário dele é R$ 3 milhões mês na China.
  • Pra fechar, Nikão foi especulado. Romildo gosta do nome e o Tiago Nunes mais ainda. Só que nenhuma negociação foi aberta. Até porque o Athletico não pretende liberá-lo. O Nikão já avisou que não pretende renovar. Mesmo assim, o Furacão faz jogo duro, como sempre. No Paraná, falam que o preço seria 2 milhões de dólares (quase R$ 11 milhões) para uma liberação antecipada dele. Inviável pagar isso.

Nikão fará 29 anos em julho, seu contrato com o Athletico é até o final deste ano – José Tramontin/Athletico

Facebook Comments

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Destaque