Entre pro time

Grêmio

Grêmio e justiça estão impondo punição exemplar para o torcedor do rojão na Arena

Publicado

em

Lucas Uebel/Grêmio

Em comunicado oficial no seu site, a direção do Grêmio informa que suspendeu o associado que atirou um rojão no gramado da Arena no finalzinho do Gre-Nal.

Tal torcedor ainda passará por um processo na Comissão de Ética e Disciplina do Conselho Deliberativo. Ou seja, ele ainda pode e deve ser excluído do quadro social em definitivo.

Vale destacar que esse torcedor foi no mesmo dia para o Jecrim, (Juizado) e lá acertou a punição de ir por 15 jogos consecutivos do Grêmio, em casa e fora, na delegacia de polícia.

Ele não poderá ver, ouvir ou ter nenhuma informação da partida.

A pena começa a ser cumprida nesta terça-feira, no duelo contra o Monagas.

O detalhe é que esse associado é de Arvorezinha e terá que se deslocar até a delegacia de Lajeado, que fica a 90km, da sua cidade. 1h30min para ir e 1h30min para voltar.

O camarada vai perder 5h de vida a cada partida do clube do seu coração.

A punição está sendo exemplar nesse caso.

Aqui a nota oficial: O Grêmio Foot-Ball Porto Alegrense, no intuito de tornar cada vez mais seguro e proporcionar um ambiente acolhedor para seus torcedores, comunica que tomou as providências administrativas cabíveis quanto ao associado envolvido no caso de arremesso de artefato pirotécnico no gramado da Arena, no último clássico Gre-Nal, realizado no dia 12 de maio. O indivíduo foi imediatamente identificado pelas câmeras de segurança do estádio, biometria, torcedores presentes na Arquibancada Norte e por imagens das câmeras de televisão. Além dos desdobramentos judiciais do caso, o Clube informa que suspendeu o associado e o processo será apurado pela Comissão de Ética e Disciplina do Conselho Deliberativo.

O Grêmio reitera que repudia qualquer ato de vandalismo e violência e adotará medidas que visem sempre a proteção do clube e sua torcida.

Setorista da dupla Gre-Nal. Torcedor do Tottenham e do Real Madrid. Fã de futebol inglês.

9 comentários

9 Comments

  1. Vanderson carvalho

    16 de maio de 2018 at 08:05

    Deveria ser banido dá arena. Nunca mais poder comprar um ingresso nem passar nas catracas da arena. Fdp sacana

  2. EDUARDO SVERSSON

    16 de maio de 2018 at 07:37

    CONCORDO COM A PUNIÇÃO AO TORCEDOR.
    CONCORDEI COM AS PORRADAS QUE ELE LEVOU TAMBÉM. NINGUÉM MANDOU FAZER MERDA, EM RISCO DE PREJUDICAR O CLUBE.
    AGORA, O SISTEMA É FALHO. FOI NA ARENA, PODERIA SER NO BEIRA RIO, OU MARACANÃ ETC. O FATO É QUE UM SINALIZADOR NÃO PODE ENTRAR SEM AUTORIZAÇÃO. VEJAM, EM 2013 UM TORCEDOR MORREU POR CAUSA DE UM SINALIZADOR QUE FOI JOGADO NA TORCIDA DO SAN JOSÉ. E SE PEGA EM ALGUÉM? SE PEGA NO DANILO, EM OUTRO JOGADOR, OU NO PESSOAL DA IMPRENSA E STAFF QUE ESTAVAM ALI EM BAIXO?
    VOLTO A DIZER, O SISTEMA É FALHO. PRECISA SER REVISTO, OU TEREMOS CONSEQUÊNCIAS PIORES AINDA.

    • Fernando Colorado

      16 de maio de 2018 at 09:41

      Eduardo…segunda um jornalista de rádio tentou explicar que esses artefatos entram no estádio porque a torcida deixa pra entrar na última hora e isso explicaria a revista mal feita…

      Minha opinião…Tanto Inter quanto Grêmio tem o DEVER de fazerem a revista BEM FEITA…não importa se o camarada chegou duas horas antes ou 15 minutos…se deixou pra entrar na última hora azar o dele…vai perder 30min. de jogo…que se dane…

      Eu sou um que sempre chego na hora do jogo, moro perto do Beira Rio mesmo então não tenho porque chegar 1hora antes…outro dia quase perdi o começo de um jogo porque a revista foi muito bem feita…o que, aliás, NÃO É REGRA NO BEIRA RIO…INFELIZMENTE…

      • Gonçalo

        16 de maio de 2018 at 10:33

        Isso mesmo. Se tem que fazer revista, que seja bem feita. Vai dar tumulto, dane-se. Se alguém reclamar, que reclame com os idiotas que tentar levar sinalizadores para dentro de campo. Poxa, o cara anda trocentos quilômetros para ver o jogo e faz uma merda dessas.

        Torcer é bacana, a gente brinca, zoa e é zoado. Tem que levar na brincadeira. E nada pode colocar em risco a vida e a integridade física das pessoas.

        • Fernando Colorado

          16 de maio de 2018 at 10:40

          sem contar que os caras ficam fora do estádio só pra se “encharcar” e fazer m* depois…

        • Marcio Wilk

          16 de maio de 2018 at 12:39

          Revista…revista..ora! Há muitos meios de fazer entrar na Arena artefatos pequenos, e nunca vai acabar com “revistas”. Precisa haver punição de verdade, prisão por tentativa de assassinato. E, aposto que ninguém irá conferir se o sujeito irá se apresentar na DP em dia de jogos. Foi ontem????

          • EDUARDO SVERSSON

            16 de maio de 2018 at 14:14

            POR ISSO O CAMINHO É A BIOMETRIA TOTAL NOS ESTÁDIOS, E TAMBÉM UMA MAIOR TRIAGEM DOS ARTEFATOS QUE ENTRAM.

            SE O POVO RESOLVE ENTRAR TODO JUNTO, AZAR O DELES, A REVISTA DEVE EXISTIR DE QUALQUER FORMA.

  3. Fer

    16 de maio de 2018 at 00:51

    Laranjinha bem madura.

  4. Ge

    16 de maio de 2018 at 00:35

    Isso mesmo. Tem que ser punido. Mas punido pelo que ele fez e não para dar exemplo. Ninguém deve ser punido para dar exemplo. Lembram do episódio do Aranha? Muita gente disse que o Grêmio foi punido “exemplarmente”. E ficou naquele exemplo. Outros clubes, tiveram situações semelhantes ou piores (morte, inclusive) entre sua torcida e não foram punidos. Punição “exemplar” é dada em situações de repercussão social. Mas morre nisso.

    Outra coisa: esse negócio de não receber qualquer informação sobre o jogo é balela. Eu estava numa DP registrando BO de um acidente de carro quando chegou um torcedor que tinha que se apresentar a cada jogo. Explicou a situação é o mandaram sentar lá numa sala, onde tinha uma TV ligada no jogo. Viu e comentou o jogo com ós policiais.

Comenta ai o que achou

Publicidade
Publicidade
Publicidade