Entre pro time

Grêmio

Direção já está falando abertamente sobre a venda do Everton

Publicado

em

Lucas Uebel/Grêmio

Essa foi a resposta que o vice Paulo Luz deu em entrevista na Rádio Antena 1, de Portugal, sobre a possibilidade de venda do Everton para a Europa:

“Sempre estivemos abertos a negociar, até porque temos o entendimento que por tudo o que o Éverton representa, por tudo o que fez no clube. Se for vontade dele jogar na Europa, não vamos colocar obstáculos.”

“Para equilibrar o nosso orçamento e se houver a oportunidade de negociar mediante uma proposta condizente estamos disponíveis para abrir esse processo.”


Matéria do jornal A Bola, de Portugal, sobre Cebolinha – Reprodução

Interessante que o presidente Romildo foi na mesma linha em entrevista na semana passada na Rádio Bandeirantes, de São Paulo.

O presidente não quis dar um preço pro Cebolinha dizendo que não ia prejudicar o negócio. Afinal, sempre pode aparecer alguém querendo pagar mais. Só que ele disse ter certeza que entende o momento atual do futebol.

“O Grêmio sabe quanto ele vale, sabe entender o momento que vivemos, sabe entender a excepcionalidade que vivemos, entender o cenário nacional e internacional que vivemos e será sensível a uma situação para um comprador que possa nos trazer uma situação de compreensão deste momento.”

Mesmo assim, Romildo deixou claro que estamos falando de um jogador de Seleção Brasileira, dos melhores da América e isso tem um preço.

Ninguém da direção confirma oficialmente, mas a gente sabe nos bastidores que a diretoria aceitou a proposta de 25 milhões de euros do Napoli. Destes, 20 milhões de euros seriam do clube e o restante dos outros três parceiros no negócio.

Porém, todos juram que não há propostas na mesa. Nem do Benfica e nem de nenhum outro clube.

Facebook Comments

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Destaque