Entre pro time

Inter

Um resumo do que D’Alessandro disse na coletiva

Publicado

em

Ricardo Duarte/Inter

  • Perguntado se tem algum arrependimento nestes 11 anos de Inter, D’Ale respondeu dizendo que é muito sincero, às vezes demais. Mas não se arrepende de nada do que fez.
  • Se fosse mudar, mudaria a dosagem das coisas que fez. Não do que fez em si, mas a intensidade que fez ela.
  • Ele continua com fome, querendo títulos. E tem sido atleta 24h por dia. Não só nos momentos que tá trabalhando. Ele é atleta sempre.
  • A alimentação e o treinamento dele mudaram 300% desde a chegada aqui no Inter.
  • Hoje, aprendeu a jogar a um, dois ou, no máximo, a três toques na bola.
  • Mudou também em não apostar corrida com os mais jovens e escolher os melhores lugares do campo. Ele é mais esperto pra jogar hoje.
  • Ainda não sabe o que vai fazer quando parar, mas pensa em ficar um pouco com a família, j[a que não pôde dar atenção nem ao crescimento dos filhos.
  • Dá toques para o Martín Sarrafiore. Eles têm varias semelhanças. Acredita que pode ser seu substituto.
  • A relação com o torcedor se deu ao natural, sem forçar nada. Sua cobrança para a torcida foi para eles vaiarem só depois do jogo. Com bola rolando, é pra apoiar, não vaiar. E a torcida entendeu bem isso.
  • Seu contrato vai até dezembro. E até dezembro deixará a vida pelo clube. Ainda não sabe o que vai acontecer depois disso.
  • O momento que mais lhe marcou foi em 2011, quando tinha uma proposta pra ganhar muita grana na China. Grana pra ter quase o dobro do que tem hoje. E pesou demais o fato da torcida ter ido na sua casa pedir pra ele ficar.
  • Aliás, ele fica incomodado quando dizem na imprensa que ele inventou essa proposta ou coisa do tipo.

Facebook Comments

14 comentários

14 Comments

  1. Anônimo

    31 de julho de 2019 at 14:50

    Sou gremista mas admiro o futebol desse jogador, é inegável a entrega em campo e que joga dando o sangue pelo time. Têm seus momentos de infantilidade mas é difícil no futebol mundial vermos jogadores com essa afinidade com o clube e a torcida. Nós gremistas estamos precisando de ídolos assim, que ficam marcado na história.

  2. Anônimo

    31 de julho de 2019 at 10:58

    Dúvida! Por que a grafia do nome deste futebolista ancião têm apenas uma ASPA, podemos dizer que é uma espécie de Unicórnio gramatical ?

    • Peru inside

      31 de julho de 2019 at 12:17

      Camilo levou a outra de recordação qd foi pra Chape.

  3. SaciExu

    31 de julho de 2019 at 10:34

    Bom, só história e nada decisivo, fato………. Cruzeiro Z4 foi para espaço na libertadores, Mano retranca, especialista em copinha, deixou a principal competição do país, achando que conseguiria triunfar, seria bizarro se isso acontecesse. Inter que também abandonou, pode estar de mãos dadas com Cruzeiro no final do ano brigando pela Sula, hoje tem Nacional que é uma babinha, depois reza forte para o Mengo ser eliminado hoje ou mesmo caminho do Mano retranca.

  4. Guilherme

    31 de julho de 2019 at 09:47

    Realmente. A torcida só cobrava após o jogo. Lembro muito da série b e dos vândalos no estádio.

  5. Soares BI da B

    30 de julho de 2019 at 16:52

    GREMISTINHAS ETERNOS FREGUESES DE´DÀLLE, VIVEM POSTANDO MERDAS NA NET MAS SE BORRAM DE MEDO DO ÍDOLO COLORADO…..

    • Peru inside

      30 de julho de 2019 at 17:12

      Ngm tem medo de ex jogador não bocó.Teu idolo é tão decisivo q foi expulso no seu vice campeonato do ruralito.

    • Inter cagão

      30 de julho de 2019 at 23:44

      10 anos no inter , 8 sem ganhar nada ganhando 900k por mês , baita idolo kkkkkk

  6. Logan

    30 de julho de 2019 at 16:49

    Sentiremos falta dele quando parar…poucas vezes vi um jogador tão identificado com o clube como ele…

  7. Fernando

    30 de julho de 2019 at 16:48

    Tua preocupação com o Falcão é comovente, parece que ficou triste por não te chamarem para a festinha deles, ou da do Bilica, Gavillan,..
    Torcedor se preocupa com futebol…enquanto tu te preocupa com os muito machos do teu timinho…

    • Peru inside

      30 de julho de 2019 at 17:05

      Quem tinha muitos machos era teu idolo Falcão. E vc sentiu as dores dele
      kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  8. Peru inside

    30 de julho de 2019 at 16:36

    O professor de tenis empurrava o churros no Falcão.

  9. MORCEGO RUBRO

    30 de julho de 2019 at 16:02

    Esse “ficou” por amor! A propósito: alguém perguntou quando é o salário dele?

  10. D'alescandalo

    30 de julho de 2019 at 16:01

    Tambien disse q el ”xotabe” és maricón.

Comenta ai o que achou

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Destaque