Entre pro time

Inter

Últimas do Inter

Publicado

em

Ricardo Duarte/Inter

  • Na sua coletiva, Zé Ricardo tratou Nonato como titular do Inter. Ele estava com esse status até sua lesão. Então, vai brigar por isso agora. Abriu a chance até de jogar com D’Ale e Nonato no meio. Neste caso, o D’Ale voltaria para a ponta direita.
  • O presidente Medeiros foi convidado pela Conmebol a assistir a final da Libertadores, em Lima, e abriu que vai torcer para o Flamengo por ser um time brasileiro e por abrir uma quinta vaga direta no Brasileirão.
  • Aliás, essa foi a declaração do presidente Medeiros ainda em São Paulo, na Rádio Gaúcha: “Sofremos uma queda de rendimento após a queda na Copa do Brasil. Mas todos os jogadores estão compenetrados em busca de uma vaga na Libertadores”. Ou seja, ele admite que, mesmo com a saída do Odair, o time não tá jogando bem.
  • Nesta mesma entrevista, o presidente prometeu que o elenco de 2020 será mais forte do que o deste ano.
  • E que, diferente do programado, o clube vai terminar com as contas no negativo. Mesmo ganhando R$ 33 milhões na Copa do Brasil e mais R$ 20 milhões da Libertadores, a temporada deixará rombo de R$ 10 milhões nos cofres só com as despesas de 2019.
  • Em um vídeo vazado na internet, o presidente do Racing falou o seguinte sobre Eduardo Coudet: “Não queremos reter ninguém que não queira estar em um lugar que não lhe pertence”. O vídeo foi gravado por torcedores em uma festa em comemoração aos 87 anos do Racing.
  • Após a primeira conversa formal com a direção, o empresário do goleiro Danilo Fernandes disse que ele quer ficar e tudo leva a crer que a renovação vai acontecer.
  • D’Alessandro é que segue com sua permanência imprevisível. Rodrigo Caetano foi claro ao explicar que o jogador pediu formalmente para a direção que quer falar disso só depois do final do Brasileirão. Ele pretende decidir com a família se seguirá jogando futebol ou não.
  • Guerrero voltou na Arena Corinthians e lá falou que não se arrependeu de sair do Timão: “Como vou me arrepender? Claro que não. Tem que buscar o melhor e nessa época o Corinthians não me via como algo importante. Fui para outro time que me via como importante. Não me arrependo disso.”
  • A diretoria não nega que está devendo as duas últimas parcelas da compra do Cuesta junto ao Independiente. Mas dizem que ainda não chegou nenhuma notificação da FIFA como os caras ameaçaram lá. E que o valor é de R$ 1,2 milhões. São duas prestações de 666 mil dólares cada. O Inter garante que vai oferecer um parcelamento até o final do ano.

Facebook Comments

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Destaque