Entre pro time

Inter

Neilton com moral, vaias da torcida, porque o time não mudou e explicação do Sarrafiore

Publicado

em

Reprodução

  • Neilton foi elogiado porque é o segundo jogo consecutivo que ele entra centralizado, como o atacante atrás do centroavante, e ele dá boa resposta.
  • Ele respeita o torcedor que vaiou, mas disse não concordar quem fala que faltou raça, faltou briga. Falou que nunca faltou a esse time raça, ser guerreiro. Ele pode ter errado alguma escolha ou algum jogador pode ter errado algum lance, mas nunca faltou ser guerreiro.
  • Ele jamais faria quatro ou cinco trocas agora neste jogo, logo após a eliminação, como que achando o culpado. Até pode fazer mais pra frente, mas não agora, nesta partida.
  • O próximo jogo é contra o Flamengo e a meta é não só marcar bem como da outra vez, mas conseguir jogar, tentar o gol. Ele sabe que o Inter não conseguiu atacar.
  • Sarrafiore melhorou na intensidade de jogo, é um cara que chuta bem, que joga melhor centralizado, pelo centro do gramado, mas hoje tem outros jogadores na frente dele.

  • 6
Facebook Comments

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Destaque