Entre pro time

Grêmio

OAS dá desconto de milhões e Grêmio dá passo gigante na compra da Arena

Publicado

em

Lucas Uebel/Grêmio

A situação é a seguinte: a OAS dará um desconto milionário no valor que o Grêmio tem que pagar pra eles pela compra da gestão da Arena e clube é que vai se responsabilizar pelas obras do entorno do estádio.

Sim, um novo acordo para a compra está, neste momento, na mesa do Ministério Público e precisa apenas da autorização deles para ser protocolado e finalizado.

O Grêmio ainda não divulga números oficiais, o que deve fazer apenas se esse acordo for assinado, mas recebi que o desconto é menor que R$ 50 milhões, que é mais ou menos o valor aproximado que custariam as obras do entorno.


Insisto, ainda não tenho a quantia exata deste desconto, mas vai ser na casa dos R$ 30 ou até R$ 40 milhões dos cerca de R$ 150 milhões que o Grêmio acertou pagar para a OAS pela compra antecipada da gestão.

E esta grana toda de desconto não ficará sobrando não. O Grêmio terá que pegar essa quantia e investir em obras de melhorias no bairro do Humaitá. O clube é quem vai solucionar essa bronca para acabar de vez com a bronca.

Romildo confirma essa informação e diz que a prefeitura de Porto Alegre ajudou bastante para viabilizar uma solução que todas as partes possam cumprir.

Ele fala isso porque o primeiro acordo previa algo como R$ 96 milhões de investimentos em melhorias no bairro. Depois, como metade dos investimentos lá não vingaram (como shopping e hotel), a prefeitura reduziu pra metade. Agora, pelos valores especulados, o investimento será menor.

Mas é aquela história ou todo mundo cede ou não vai sair nada nunca. Afinal, após a Lava Lato a OAS quebrou e não quer assumir essas obras por nada.

Ainda não sabemos como a Caixa ficará nesta história. Ela é parte porque receberá a área do Olímpico e precisa do habite-se dos prédios ao lado da Arena. Projeta-se que eles terão tanto o Olímpico para construir como a liberação dos apartamentos.

Mas os representantes do banco deixaram péssima impressão no negócio. Eles levaram meio ano para analisar um projeto e ainda negar. Atrasando tudo.

Bom, mas o fato é que a negociação tomou outro rumo e caminha para o Grêmio fazendo tudo para pegar a gestão.

Romildo contou que já tem em mãos até os estudos de custos da administração da Arena para saber tudo que será preciso organizar lá dentro.

O prazo para fechar tudo é até o final do ano. O que não é um problema. Em dias, o Ministério Público dá o ok e ai basta apenas protocolar no processo e fazer a troca.

Dará tempo!

Facebook Comments

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Destaque