Entre pro time

Grêmio

Novidades da renovação do Grêmio com a Umbro

Publicado

em

Lucas Uebel/Grêmio

A direção do Grêmio avançou bastante nos últimos dias na negociação de renovação de contrato com a Umbro.

Isso que o contrato nem está perto de finalizar, vai até o final de 2020. Mesmo assim, as duas partes estão conversando para ampliar ainda mais a parceria.

Segundo um importante dirigente gremista me disse, as conversas estão sim acontecendo, mas não há presa para finalizar porque tem até o final do ano que vem para isso. Mas já há quem diga que o novo acordo vai valer até o final de 2024.


Enfim, fato é que o Grêmio caminha a passos largos para uma ampliação de contrato com a Umbro.

A parceria é muito boa, o contrato rende uma ótima grana e até a rádio do clube eles patrocinam.

Só pra gente ter noção, o Flamengo ganhava R$ 12 milhões até o ano passado da Adidas. Neste ano, passou para R$ 17 milhões.

O Grêmio recebe pouco mais de R$ 10 milhões, tem participação nas vendas de camisas (algo em torno de 17%) e estes patrocínios pontuais que falei.

Isso que o Flamengo tem 20% da torcida do Brasil e o Tricolor “apenas” 4%.

Além disso, as camisas são de qualidade, vários modelos caíram no gosto do torcedor e o clube é muito bem atendido com mais de 50 mil peças por ano para jogadores, dirigentes e comissões técnicas de todas as divisões do clube.

Enfim, a Umbro vai continuar. Essa é a tendência.

E pra quem pergunta: por que não fecham com a Nike? Primeiro porque a Nike tem que querer. E eu não sei se quer. Não ouvi falar que eles procuraram. Segundo que o Inter estava com a Nike e saiu porque os caras fazem apenas o básico. Bem diferente do atendimento de qualidade da Umbro.

 

Facebook Comments

Setorista da dupla Gre-Nal. Torcedor do Tottenham e do Real Madrid. Fã de futebol inglês.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Destaque