Entre pro time

Grêmio

Grêmio deixou escapar centroavante da Seleção Brasileira

Publicado

em

Lucas Figueiredo/CBF

O centroavante Wesley Moraes, 22 anos, foi a grande novidade do Tite na Seleção Brasileira. O cara foi chamado sábado por conta da lesão do David Neres.

Ok, mas e o que ele tem a ver com o blog que só fala de dupla Gre-Nal? Acontece que o Wesley fez testes no Grêmio, em 2014, e não passou. Foi dispensado. Hoje, tá na Seleção.

A história é bem maior do que isso. Não tem como culpar ninguém no Grêmio, mas é um fato que ele esteve aqui e acabou não ficando.


Wesley Moraes jogando pelo Brugge, da Bélgica

Vou contar um resumo da história em tópicos pra ficar mais fácil.

Vamos lá:

  • Wesley Moraes é mineiro de Juiz de Fora, mas começou sua vida jogando no Itabuna, da Bahia.
  • Em 2014, fez testes no Atlético-MG, Cruzeiro e Grêmio. Rodou em todos. Sim, inclusive aqui, quando tinha 16/17 anos.
  • Em 2015, recebeu a chance de fazer um teste de seis meses no Atlético de Madrid. Foi pra lá, mas não ficou. Passou pelo Nancy, na França, mas acabou mesmo no desconhecido Trenčín, da Eslováquia.
  • A vida melhorou pra ele e, um ano depois, em 2015, assinou com o Brugge, da Bélgica, quando nem tinha completado 18 anos.
  • No Brugge, viveu o melhor momento da carreira. Foi escolhido um dos melhores do campeonato local e tudo mais.
  • Na metade desta temporada, o Aston Villa comprou o cara por incríveis 25 milhões de euros (R$ 115 milhões). É a contratação mais cara da história do clube.
  • E agora, o cara que não passou num monte de testes aqui no Brasil, inclusive no Grêmio, tá na Seleção Brasileira.

O cara é a contratação mais cara da história do Aston Villa: 22 milhões de Libras

Facebook Comments

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Destaque