Entre pro time

Grêmio

Grêmio conseguiu aumentar percentual da venda do Everton e saiba aqui o salário que o Napoli ofereceu

Publicado

em

Lucas Uebel/Grêmio

  • A direção do Grêmio conseguiu aumentar seu percentual na venda do Everton para o Napoli. No papel, o Tricolor tem 50%, mas o clube acertou que vai ficar com 65% do valor que chegar e as outras partes vão dividir o restante.
  • Na prática, 25 milhões de euros dá R$ 157 milhões. O Grêmio vai pegar R$ 100 milhões para si e as outras partes vão dividir os outros R$ 57 milhões.
  • O empresário Gilmar Veloz, o investidor Celso Rigo e o Fortaleza irão ficar com o restante. Aliás, o presidente do Fortaleza disse recentemente que tava esperando essa negociação porque tá mal de grana por lá.
  • Mais, o pai do Cebolinha deu entrevistas confirmando que o Napoli apresentou um projeto pro seu filho e prometeu documentar tudo até a próxima semana. Na Zero Hora, ele confirmou que o presidente Romildo batia o pé e não queria vender por menos, mas a parada obrigou o clube a aceitar menos.
  • A informação de bastidor é que os italianos ofertaram 2,2 milhões de euros líquidos por temporada pro Everton. Isso dá mais de R$ 1 milhão por mês, já descontando os impostos. Lembrando que aqui ele ganha na casa dos R$ 700 mil, mas esse valor é bruto, não sobra tudo isso porque tem imposto.
  • Importante deixar claro que o martelo ainda não está batido, mas como dá pra ver nestas informações as negociações estão avançando. Alguns colegas tem a informação que o Everton, da Inglaterra, está tentando se meter no negócio. Para o Grêmio isso seria ótimo porque aumentaria o valor da venda, mas eu confesso que não consegui confirmar com ninguém essa situação. Vamos aguardar os próximos passos.
Facebook Comments

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Destaque