Entre pro time

Inter

Valores, condições e vontades! Detalhes da proposta que chegou para vender o Maurício!

Publicado

em

Ricardo Duarte/Inter
  • A direção do Inter tem uma proposta oficial, papel timbrado, do Palmeiras, para vender o meia Maurício.
  • Neste momento, a única coisa que falta para o negócio fechar é a assinatura do presidente Barcellos. Basta assinar e a venda acontece.
  • Esse é pelo menos a quarta proposta oficial que chega no Beira-Rio. Já teve documento em janeiro, março e abril. E agora chegou essa última, na semana passada.
  • A proposta atende todos os pedidos feitos até então. Aliás, o Inter fez alguns pedidos e algumas mudanças nos seus pedidos durante esse tempo todo. Em todos, o Palmeiras atendeu. Querem muito o jogador.
  • Recebi que já teve até ligação de desistência da parte colorada e também reaproximação com possibilidade de ir aumentando os valores. Tudo isso até chegar no acerto verbal da semana passada e, consequentemente, a proposta fechada.
  • O valor total do negócio irá girar na casa dos 11 milhões de euros (R$ 63,4 milhões).
  • O Inter tem 50% dos direitos do jogador, mas é aqui que está o grande ponto de negociação. A diretoria sempre pediu mais para vender. E, na proposta que foi feita, isso foi atendido.
  • Se assinar, o Inter ficará com 7 milhões de euros (R$ 40,4 milhões) apenas pra si. 
  • Se pegarmos no percentual, é como se a venda fosse por 14 milhões de euros.
  • E aqui temos outro ponto importante, refletido internamente: uma proposta destes termos não vai mais vir do mercado forte na Europa. Ele fará 23 anos nos próximos dias, ainda neste mês de junho. Hoje, na atual situação, só um Leste Europeu pagaria isso por ele. 
  • Além disso, há toda uma argumentação que o cara está há quatro anos no clube, já cumpriu sua missão e chegou a hora de seguir. No Palmeiras, terá a chance de ser protagonista em um time comandado pelo Abel Ferreira e que tá ganhando títulos.
  • Outra, Maurício chegou de graça, na troca pelo Pottker. Receber R$ 40 milhões líquidos seria um baita negócio. Tudo isso é usado na argumentação do negócio.
  • Então por que ainda não tá assinado? Segundo recebi, por conta do temor da repercussão de uma venda interna, no futebol brasileiro. Esse fator está pesando muitíssimo. É só isso. Fosse a mesma proposta, da Europa, o negócio estava feito.
  • Bom, o certo é que tá rolando a história e perto de uma finalização. Maurício tem cinco jogos no Brasileiro e não pode jogar o sétimo porque isso inviabilizaria a transação. Portanto, uma definição terá que acontecer.
  • A proposta está na mesa, com todas as condições pedidas pelo Inter (não é só dinheiro, tem forma de pagamento, comissões, impostos, tudo que é negociado), a dúvida é se o presidente assina ou não.
Facebook Comments
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Destaque