Entre pro time

Inter

Uma realidade contada pelo vice de futebol do Inter

Publicado

em

Ricardo Duarte/Inter

Na sua coletiva depois da classificação contra o Paysandu, Roberto Melo comemorou que o Inter voltou a ter jogadores assediados pelo mercado europeu após um bom tempo.

Afinal, isso mostra que o time está bem, está jogando para mostrar novos jogadores que despertem atenção dos caras lá fora.

Mais, o vice colorado lembrou que já faz praticamente dois anos que o Inter não consegue fazer nenhuma venda grande para o exterior. E todo mundo sabe que é preciso fazer pelo menos uma grande negociação. A última foi a do William para a Alemanha.


Agora, o que mais chamou a atenção foi a explicação sobre os reforços.

Melo conta que, como não tinha dinheiro em caixa, o Inter só pode investir R$ 4 milhões em contratações na virada do ano.

Só que Palmeiras e Flamengo injetaram mais de R$ 100 milhões em reforços no elenco.

O Palmeiras trouxe Ricardo Goulart (que já até foi embora) e o Flamengo o Arrascaeta, Bruno Henrique e Gabigol.

Já o Inter contratou: Bruno, Matheus Galdezani, Rodrigo Lindoso, Neílton, Tréllez, Guilherme Parede e Rafael Sobis.

Segundo Melo, todos eles juntos custaram o máximo de R$ 4 milhões.

Um investimento 25 vezes menor. Fica difícil competir mesmo.

Aqui tem mais do Inter:

Facebook Comments

21 comentários

21 Comments

Comenta ai o que achou

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Destaque