Entre pro time

Inter

Cuesta perto de ser contratado, grupo esperando por Taison e Johnny no lugar do Dourado

Publicado

em

Divulgação

  • O Inter está perto de contratar outro Cuesta, o Juan Manoel Cuesta, atacante colombiano de 19 anos, que está vindo para a base. Ele já figura no time principal do Independiente de Medelín, da Colômbia, mas virá inicialmente por empréstimo e para a base. Vai jogar no Sub-20 e, se aprovar, será comprado e terá a chance de subir pro profissional. Cuesta é um desejo o Gustavo Grossi, que o acompanhava destes os tempos de River Plate.
  • Por falar em Cuesta, Na coletiva que deu neste domingo, Victor Cuesta disse que o elenco do Inter estava esperando um jogador do tamanho do Taison para qualificar o elenco. Sobre o esquema de jogo do Miguel, falou que atuava assim no Independiente e gosta muito deste estilo. Aqui no Brasil, a torcida não está muito acostumada com esse jeito de jogar, mas o Diniz colocou no São Paulo e deu certo, na sua visão.

Cuesta foi para a entrevista que a Conmebol obriga antes de cada jogo da Libertadores – Reprodução

  • Na sua live no Instagram do Inter, Taison disse que joga pelas pontas ainda, mas se sente bem jogando pelo meio, como um meia-atacante, onde estava atuando no Shakhtar. É interessante pontuar isso porque, numa entrevista recente pra gente na Rádio Bandeirantes, Paulo Bracks falou que ele pode jogar até como um meia pela esquerda, no tripé de meio que o Inter tá jogando. O dirigente disse que, da linha do meio para frente, Taison joga em qualquer função. Mais, Bracks vê ele como um jogador acima da média para o nível brasileiro.
  • O meia Johnny não está ganhando tantas oportunidades como se imaginava. Mesmo assim, ele faz parte dos planos e ouvi que a comissão técnica vê ele como o futuro camisa 5 do Inter no lugar do Dourado. Duas coisas acabaram o fazendo ficar sem tantas oportunidades. A primeira foi que Lindoso segue no elenco. Chegou-se a cogitar uma saída, mas ela nunca avançou. E a segunda é que o meia foi para a Seleção dos Estados Unidos logo após o começo do Gauchão. Tanto, que Johnny pediu para jogar as primeiras partidas com os guris para mostrar pelo menos um pouco do seu futebol. Só que ai, quando Miguel assumiu, ele estava com a Seleção. Isso o complicou. Só que, insisto, ele é visto como o futuro cinco quando Dourado sair.

Johnny está treinando e, pelo que sei, muito bem com Miguel Ángel Ramírez – Ricardo Duarte/Inter

Facebook Comments

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Destaque