Entre pro time

Inter

Coudet queria expulsão de jogador do Grêmio e explicou porque Guerrero não foi bem!

Publicado

em

Reprodução

Resumo da coletiva do Coudet depois do Gre-Nal:

  • Coudet começou a entrevista falando que a falta de ritmo de jogo e o campo horrível prejudicaram não só o seu time como o espetáculo. Aliás, repetiu isso várias vezes. Em umas três respostas pelo menos. Revelou que, desde quando escolheram o estádio, falou que aquele não era o gramado ideal para o seu time jogar.
  • Em outra resposta, explicou que a bola não corria de um jeito natural e lembrou que o jogo da Arena foi empate, mas uma partida muito melhor. Os caras jogaram muito melhor.
  • Pensa que o Musto não foi expulso porque o Matheus Henrique não tinha levado o vermelho antes. Acha que o Matheus merecia ser expulso antes do Musto. O juiz não expulsou nenhum dos dois por isso.
  • Pra ele, Guerrero não conseguiu jogar por conta do campo e porque não tinha um parceiro de ataque que seja atacante. Em outras palavras, ele acabou confirmando que não é o ideal ter D’Alessandro como atacante.
  • Ainda sobre atacante, disse que a saída do Gustagol não era o que ele queria, mas o jogador foi falar com ele e pediu pra sair por conta da proposta. Confirmou que precisa de mais um centravante. A gente sabe que é o Yuri Alberto, mas Coudet não citou nomes.
  • Colocou Moledo de centroavante no final da partida porque a bola não chegaria limpa para finalizar no final da partida. O jeito foi meter ele lá pra tentar cabecear.
  • Rodrigo Dourado só será utilizado quando estiver 100%, mas isso ainda vai demorar pelo menos mais algumas semanas.
  • Uendel está se recuperando de uma fascite plantar.
  • Rodinei não viajou por opção técnica mesmo. Pensa que, por ter só seis jogadores no banco, vai ser difícil levar um lateral. Ele tem Edenilson pra improvisar na direita e Patrick na esquerda.
Facebook Comments

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Destaque