Entre pro time

Inter

Antes de contratar, direção do Inter zerou suas contas com o elenco colorado

Publicado

em

Ricardo Duarte/Inter

Antes de anunciar a contratação de Matheus Jussa, novo zagueiro pedido por Coudet, a direção do Internacional quitou o valor referente ao direito de imagem que estava em aberto com o grupo de jogadores. Fez isso ontem, dia 30 de junho.

Desde o dia 20 de junho, os dirigentes precisavam voltar a pagar o valor da imagem, que estava suspenso após o primeiro acordo com o elenco. Em março, abril e maio, a direção não precisou se preocupar com os direitos de imagem porque os atletas aceitaram receber isso parceladamente durante a próxima temporada.

Só que, agora, tudo voltou. Então, como a imagem representa algo em torno de 30% da remuneração salarial dos caras do Internacional, estamos falando de um valor na casa dos R$ 2,5 milhões. E, graças ao esforço dos dirigentes, conseguiram quitar esse valor no último dia de junho e zerar suas dívidas com o elenco.


  • Pra quem não sabe, os pagamentos no Inter acontecem assim: dia 05 deposita a grana da carteira e dia 20 a grana correspondente ao direito de imagem.
  • Salário na carteira de trabalho representa cerca de 70% dos ganhos dos jogadores colorados. O direito de imagem completa os outros 30%.
  • A grande diferença entre os dois contratos é que o imposto sobre a carteira de trabalho é de 27% e a imagem é paga através de uma nota fiscal, de uma empresa, e o imposto é bem menor, na casa dos 6%. Por isso é tão rentável receber via direito de imagem.
Facebook Comments

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Destaque