Entre pro time

Grêmio

Romildo fez pedido na CBF, mas a resposta não foi das melhores

Publicado

em


O presidente Romildo revelou que está descontente com uma situação envolvendo o VAR.

Ele é totalmente favorável ao uso do vídeo, mas tá inconformado que ninguém sabe o que os árbitros que estão na cabine fazem de fato e de direito.

Muito menos qual é a comunicação que existe entre o árbitro principal com eles.


Romildo cobrou isso em uma das reuniões da CBF. Disse que o VAR precisa ser transparente, que o áudio da conversa precisa ficar exposto para todos saberem o que eles checaram, quais lances foram analisados.

Sabem qual foi a resposta na CBF?

Romildo mesmo respondeu:

“O árbitro que tava explicando lá disse: “Não, as pessoas tem acesso ao VAR. Desde que o Superior Tribunal de Justiça Esportiva, autorize”. Então, vamos ter que fazer um habeas corpus, vamos ter que fazer uma demanda para ter acesso ao VAR?”

Romildo pensa que o mais importante neste momento é dar publicidade a tudo que é falado na cabine do VAR.

Isso dará credibilidade ao processo.

Mais do Grêmio:

O que diz o presidente Romildo sobre o caso Pedro Rocha

Os milhões que o Grêmio vai pagar pela Arena

Me acompanha no YouTube ai:

Facebook Comments

14 comentários

14 Comments

Comenta ai o que achou

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Destaque