Entre pro time

Grêmio

Romildo atualiza reforços, fala o que teve com Matías Vargas e as últimas sobre Léo Gomes

Publicado

em

Reprodução

Resumo da coletiva do presidente Romildo após o jogo contra o Bahia:

  • O Grêmio tá sendo um time pragmático. E definiu que vai jogar assim até encontrar um equilíbrio técnico. O que tem que fazer neste momento é não perder, pontuar e, se possível, vencer.
  • Revelou que estava comentando no vestiário que, em todos os Brasileiros, sempre tem algum time que vai mal no primeiro turno e consegue a recuperação depois. Chegou a falar que são apenas oito pontos da zona de Libertadores, dando a entender que o Grêmio tem como se recuperar.
  • Neste momento, não tem que pensar em título da Copa do Brasil. O foco tem que ser sair da zona do rebaixamento. Após equilibrar o time e a colocação na tabela, vai ver onde chegar.
  • Mesmo assim, discursou que o Flamengo não é invencível. É uma disputa de dois jogos. Reconhece todo o momento do Flamengo, mas o Grêmio tem como fazer um enfrentamento com boas perspectivas.
  • Ferreira vai voltar e ficar à disposição do Felipão e não tem nenhuma negociação para renovar o contrato dele.
  • Foi enfático ao dizer que não tem nenhuma negociação em andamento para contratar nenhum jogador. E, como as inscrições na Copa do Brasil encerram na terça, o elenco vai ser este que já está em Porto Alegre.
  • O atacante argentino Matías Vargas, do Espanyol, estava em uma lista de análise no CDD, que avalia os nomes. Só que não passou disso. Nunca chegaram nem perto de contratá-lo.
  • Faz um mês que o Léo Gomes treina normalmente com bola no CT. Todos os treinos físicos, táticos e técnicos. Só que não é fácil voltar após dois anos. Porém, elogiou o jogador por ser um obstinado a voltar, dedicado ao máximo, um atleta com muito profissionalismo. Só que não é tão rápido recuperar a condição pra jogar plenamente.
  • O Grêmio tem os protocolos para a volta da torcida. No entanto, alertou que quem decide isso são as autoridades sanitárias. Eles é que vão dizer quando existe segurança. De resto, pediu apenas que só pode ter público quando todas as praças estejam liberadas. Não dá pra ter em alguns estádios apenas. A prioridade vai ser dos associados mais antigos, dos associados em dia.
Facebook Comments

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Destaque