Entre pro time

Grêmio

Renato falou duas coisas que não são verdadeiras na sua coletiva

Publicado

em

Lucas Uebel/Grêmio

Na coletiva após a derrota pro São Paulo, Renato disse que o Grêmio não investe nada para montar o time e, por isso, não dava para cobrar título.

Bom, a informação não é real. Afinal, mesmo que o Atlético e o Flamengo tenham injetado bem mais dinheiro, o Grêmio gastou pelo menos R$ 33 milhões nesta temporada.

Churín foi mais de US$ 1,5 milhão, Pinares foi quase isso, Diogo Barbosa R$ 10 milhões agora (mais R$ 10 milhões serão pagos depois) e até o Vanderlei, com 37 anos, custou R$ 3 milhões junto ao Santos.


Aqui a lista dos clubes que mais investiram. O Grêmio é o quinto que mais investiu – Reprodução

Fora isso, temos que lembrar que a folha do Grêmio é de R$ 12 milhões mensais. E jogadores como o Diego Souza, que veio só pelo salário, deram muito certo. Isso sem contar que jogadores como Pepê tem valor de mercado alto e já estava ai pela base.

Ah, o Inter é o líder do Brasileirão e investiu perto dos R$ 15 milhões nesta temporada. O São Paulo, que derrotou o Grêmio, gastou R$ 21 milhões neste ano.

  • Tem também a segunda informação errada que Renato passou. Ele disse na coletiva que já tinha formado jogadores que deram R$ 1 bilhão pro Grêmio. O pessoal do Globo.com fez um levantamento e não é assim. Somando todos os atletas, até Tetê e Diego Rosa que não passaram por ele, mais o Pepê que ainda não foi oficializado, dá R$ 522 milhões. É muita grana, mas não é R$ 1 bilhão. Aqui a matéria do GE.
Facebook Comments

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Destaque