Entre pro time

Grêmio

Presidente do Cruzeiro conta detalhes da negociação do Orejuela com o Grêmio

Publicado

em

Reprodução

Sérgio Rodrigues, presidente do Cruzeiro, gravou um vídeo nas redes sociais para explicar pro torcedor deles como foi feito o contrato do Orejuela com o Grêmio.

Aqui um resumo de como funcionam as coisas:

  • O valor de compra de 50% do Orejuela está fixado em 3,5 milhões de euros (R$ 22,3 milhões na cotação atual).
  • Mas 150 mil euros já foram depositados em janeiro, por do empréstimo. Na época, isso custou uns R$ 700 mil.
  • Com isso, se quiser ficar com o Orejuela em definitivo, o Grêmio tem que pagar os 3,3 milhões de euros (R$ 21 milhões) pro Cruzeiro.
  • Só que esse contrato foi feito em janeiro, com o euro a R$ 4,5. Naquele momento, o valor estava na casa dos R$ 15 milhões. Hoje, o euro disparou disparou e a soma final ficou em R$ 21 milhões.
  • Essa valor seria parcelado em dois anos. A primeira prestação começando no final de março e a última terminando em dezembro de 2022.
  • Neste momento, o Grêmio quer pagar menos porque a grana, em real, disparou. O Cruzeiro quer receber em um tempo menor porque tá precisando de dinheiro.
  • Qual a solução então? O time mineiro vai reduzir a quantia pedida e o Tricolor deposita a grana em parcelas bem mais curtas.
  • As duas equipes conversam sobre o assunto. Não tá descartada a possibilidade de colocar jogadores. Felipão pediu e Thaciano ia ser envolvido. Renato vetou. Um novo atleta do elenco ainda pode aparecer.
  • Porém, hoje, a solução mais provável é que o Cruzeiro dê um bom desconto e tenha o pagamento se não à vista bem perto disso.
  • Até 31 de dezembro, a prioridade é toda do Grêmio.
Facebook Comments

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Destaque