Entre pro time

Grêmio

Grêmio bate recorde de faturamento e divulga valor real da sua dívida

Publicado

em

Lucas Uebel/Grêmio

  • A direção do Grêmio confirmou oficialmente que atingiu um faturamento total de R$ 420 milhões na temporada de 2019. Um recorde em sua história. Nunca antes entrou tanto dinheiro em um ano apenas.
  • Além disso, se somar tudo que entrou e tudo que saiu em despesas, ainda sobraram R$ 22 milhões. Ou seja, mais um superávit na gestão do presidente Romildo. É o quarto ano seguido que ele tem as contas com saldo positivo no final do ano.
  • O Grêmio também informou oficialmente que suas dívidas estão em um total de R$ 300 milhões, sendo que R$ 90 milhões são com impostos com o governo federal e isso será pago mensalmente por muitos e muitos anos.
  • Isso significa dizer que a dívida real do clube está na casa dos R$ 200 milhões. E o que são estas dívidas?
  • Bom, tem um pouco de tudo, uma parte em empréstimos bancários feitos e que estão sendo pagos mensalmente (coisa de R$ 15 milhões), outra parte em obrigações trabalhistas (R$ 12 milhões), e até valores de compra de jogadores que ainda estão sendo pagos. Só ai ainda tinha R$ 9 milhões a pagar.
  • Muitas delas são reclamações de ações trabalhistas que o clube tem ao longo da sua história. Só pra gente ter noção, o clube tem 113 reclamatórias trabalhistas,  48 demandas cíveis, 12 processos administrativos na Receita Federal e um processo na Justiça Federal.
  • Só que é fundamental deixar claro que o presidente Romildo conseguiu colocar todo o clube nos trilhos. Estas dívidas que existem todas foram negociadas, parceladas e estão sendo pagas. Um caso clássico é o do Kleber Gladiador, que recebe R$ 120 mil por mês até o final de 2020, por exemplo. Ele contabiliza como uma dívida, porque precisam pagá-lo, mas é algo controlado e que tá sendo cumprido.

 

  • Importante explicar que o fato de dar lucro em uma temporada não quer dizer que o clube não tem dívidas. Ele deu lucro naquele ano, mas ainda tem dívidas históricas que precisam ser pagas. Um exemplo prático foi 2019, que o clube recebeu R$ 420 milhões e gastou só R$ 398 milhões durante todo o ano passado. Ou seja, a temporada deu lucro de R$ 22 milhões, mesmo pagando todas as contas que tinham pra pagar naquele período. Como a gente viu ai, as dívidas histórias seguem sendo pagas parceladamente.
Facebook Comments

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Destaque