Entre pro time

Inter

Parceira com empresa Belga por encerrar, Edenilson fala do Galo, Uendel saindo e pedido por Nonato

Publicado

em

Destaque

  • Todo mundo tá vendo que a nova direção está fazendo mudanças na base. A próxima que está sendo encaminhada é a finalização da parceria com a Double Pass, empresa Belga contratada para organizar os processos em todos os setores da base colorada. Restam apenas mais duas reuniões de avaliação do que está sendo feito. Estas reuniões só não aconteceram por conta da pandemia. Após os dois encontros, é praticamente certo que eles irão se retirar. O entendimento dos gestores atuais da base é que a empresa ajudou a dar uma organização, um padrão, para os procedimentos e o trabalho está feito. Não há mais porque gastar dinheiro com eles. Este é o plano atual.
  • Em entrevista no Resenha, da ESPN, nesta sexta, Edenilson confirmou que teve uma conversa informal com Rodrigo Caetano sobre jogar no Atlético-MG. Rodrigo Caetano é seu amigo e eles falaram sobre isso. Porém, Edenilson deixou claro que é preciso conversar com o Inter agora.

Edenilson participou do Bola da Vez, na ESPN – Reprodução

  • O lateral-esquerdo Uendel está negociando a sua saída para o Cuiabá. Sport e América demonstraram interesse, mas ele fechou com o Cuiabá. O Inter vai ter que bancar metade do seu salário, algo como R$ 150 mil mensais. O ala não volta mais pra cá, seu contrato é só até o fim de 2021.
  • Uma curiosidade interessante é que o atacante Palácios será 100% do Inter. Como tem só 20 anos, pode render uma grana no futuro. Seu custo total ficará em 2 milhões de dólares (R$ 11 milhões), que serão parcelados em dois anos.
  • Caíco não é mais auxiliar técnico do clube. A direção postou uma nota informando que o profissional foi desligado nesta semana. Campeão da Copa do Brasil em 92 como jogador, ele estava desde 2013 na base e desde 2017 trabalhando no time profissional.
  • Miguel Ángel Ramírez pediu para observar Nonato. Ele acha esse jogador interessante e quer ver ele no seu esquema, com dois volantes que viram meias no 4-3-3. Um bastidor que descobri recentemente é que, na temporada passada, o São Paulo fez uma tentativa e o Galo perguntou se tinha chance de abrir conversas. Um antigo dirigente, da gestão anterior, chegou a me dizer que ele era um dos que mais recebia consultas, mesmo não jogando tanto.
Facebook Comments

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Destaque