Entre pro time

Inter

Cobrança no Galhardo, derrota igual do Galo, pedido pelo Edenilson e não é só o Flamengo

Publicado

em

Reprodução

Resumo da coletiva do Rodrigo Lindoso:

  • Lindoso abriu a coletiva dizendo que a vitória muda o pensamento. Antes, diziam que eram quatro empates seguidos, agora são cinco jogos invictos.
  • Eles queriam muito ganhar o Gre-Nal, sabem que é diferente, mas passou. O negócio agora foi retomar a segunda colocação.
  • Como era o capitão da equipe no Madureira, cobrava o Galhardo pra caramba quando eles jogaram lá. Aqui, é a mesma coisa. A boa relação faz com que ele cobre mesmo, não tenha papas na língua.
  • Mesmo assim, lembrou que os gols acontecem pela jogada trabalhada. O primeiro gol foi muito do conjunto e o segundo de um time perfeito do Edenilson subindo pro ataque. A fase dele é excelente, mas não é só ele que faz o gol, tem toda uma construção.
  • Outra lembrança é que, assim como o Inter perdeu para o Fortaleza, o Galo foi derrotado, com um a mais, para o Fortaleza.
  • Os jogadores do elenco querem que o Edenilson fique. Só que tem o lado familiar, coisas particulares dele e isso os jogadores não se metem. Ele Lindoso sabe pouco da vida dele particular do companheiro. A sua vontade é que ele continue, mas futebol não é só o “querer” dos jogadores. É ele quem tem que saber o que é melhor pra sua carreira.
  • Pelo fato do Flamengo ter feito uma bela campanha no ano passado, as pessoas colocam como se só tivesse um time, esquecem que tem o adversário do outro lado e pensam que vai ser fácil assim. O Inter e o Atlético-MG estão demonstrando que não é assim.
Facebook Comments

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Destaque