Entre pro time

Grêmio

Felipão diz que todo treinador quer um jogador do Grêmio e conta porque nunca será moderno

Publicado

em

Reprodução

Resumo da coletiva do Felipão após a vitória contra o Fluminense:

  • Acha que conseguiu fazer uma equipe solidária e que tá reconstruindo as coisas. Quer que, no futuro, consiga melhorar o time para não sofrer tanto e ter mais oportunidades.
  • Não é característica do seu trabalho sofrer tanto assim, lembrou que em 2018, o Palmeiras foi o que mais teve aproveitamento no ataque, a que mais fez gols. Só que agora tem que reconstruir o Grêmio. Tem que começar de trás e ir pra frente.
  • O time de antes, jogava de outra forma porque tinha jogadores pra isso. Hoje, não tem mais estes jogadores. Além disso, a necessidade do momento era essa, de reconstruir o time de trás.
  • Alisson é um jogador altamente tático. Jogador que qualquer treinador no mundo quer.
  • Sabe que a torcida tem alguma implicância com o Luiz Fernando, confia nele plenamente. Tá pedindo pra ele acreditar porque vai ir colocando nas partidas. Falou em “burlar” essa situação com a torcida deste jeito, o colocando em campo.
  • Diego Souza foi protagonista, fazendo o que tinha que fazer. Está sendo muito útil ajudando o meio e a defesa a não sofrer tanto. Garantiu estar satisfeito com o que ele tem feito em campo.
  • Brincou dizendo que, se o moderno, é jogar com os dois laterais sendo pontas, ele não vai ser moderno. Falou isso ao explicar que sempre vai segurar um lateral para o outro subir. O futebol tem muito contra-ataque e ele precisa dessa cobertura.
  • Neste domingo, quando a delegação chegar, vai colocar os jogadores reservas para fazer um treino contra a o grupo de Transição para olhar todo mundo, inclusive os guris da Transição.
Facebook Comments
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Destaque