Entre pro time

Inter

Time brasileiro está ameaçando entrar contra o Inter no Tribunal da CBF

Publicado

em


O Joinville está, novamente, ameaçando denunciar o Inter no tribunal de cobranças da CBF.

Acontece que o rolo agora é outro. Não é o mesmo das outras vezes. Antes a disputa entre os clubes era por um valor que faltava a ser pago na compra do volante Anselmo.

Agora, é de um valor que precisa ser quitado pela venda do Anselmo para a Arábia.


Vou tentar explicar:

O Joinville tinha direito a uma fatia da venda. O Inter recebeu os valores na época e acertou pagar parcelado para o time de Santa Catarina.

Só que as últimas duas parcelas estão atrasadas. Não foram pagas.

São duas parcelas de R$ 93 mil cada uma. O que dá, somando, R$ 186 mil.

Como ainda não pagou, a direção do Joinville tá anunciando por lá que vai entrar no Tribunal de cobranças da CBF contra o Inter para cobrar esta conta.

O lado positivo para a direção colorada é que, segundo um colega da imprensa local, o JEC só fica ameaçando e não faz nada.

Só que não é nada bom ver, novamente, um clube cobrando o Inter publicamente.

Pra quem não lembra, há poucos dias o presidente do Juventude fez o mesmo, cobrando quase R$ 1 milhão do Inter.

Aqui tem informações deste caso do Ju.

Anselmo foi vendido pelo Inter para o Al-Wheda, da Arábia Saudita, por 2,5 milhões de euros. Na época, praticamente R$ 11 milhões.

Sendo que, destes, R$ 7,5 milhões sobraram para o Inter. O restante, R$ 3,5 milhões, foi dividido entre Sport, Joinville e o próprio jogador.

Leia também: 

Inter perto de perder um dos melhores da sua base!

Facebook Comments

21 comentários

21 Comments

  1. Vidraçaria beira rio

    7 de abril de 2019 at 19:46

    Opa, alguém falou em dívidas? Tenho umas notinhas por receber.

  2. Anônimo

    6 de abril de 2019 at 18:43

    Que timinho vagabundo. É muita velhaquice, tá louco.

    • Genghis Khan

      6 de abril de 2019 at 18:48

      Não mais vagabundo que um timeco sem estádio, Mundial FIFA e ATOLADO EM DÍVIDAS!!!!!

  3. Jonas Tedesco

    6 de abril de 2019 at 17:51

    TODOS especialistas em economia do futebol já cantam a bola de uma lista de times que vão ter só nome no futuro próximo, assim como hoje é o Botafogo, e nessa lista está o Internacional, mas torcedor como sempre CEGO que acredita só em página do time não reclama, não cobra….

    • Genghis Khan

      6 de abril de 2019 at 18:51

      KKKKKKKKKKK
      IMAGINA O QUE SOBRA PARA O GREZEMBBE QUE NEM ESTÁDIO TEM E POSSUI DÍVIDAS ABSURDAS!!!!
      HORA DO HIPOGLÓS GREZEMBINO!!!!
      SAEZ MANDA LEMBRANÇAS!!!!
      KKKKKKKKKKK

  4. Genghis Khan

    6 de abril de 2019 at 16:35

    Não pagar uma quantia irrisória (para o meio do futebol) destas e deixar isso ocorrer novamente deixa evidenciado o quão mau-caráter é o vagabundo que ocupa a presidência do clube, atitude de gente chula e mediocre. Que deve estar bastante acostumado a este tipo de prática, o fazendo pelo simples prazer de se “sentir esperto”.
    E o fato dos ACÉFALOS RETARDADOS ELEGEREM E DEFENDEREM UM LIXO COMO ESTE JÁ MOSTRA A “QUANTAS ANDA” O CARÁTER DOS ACÉFALOS!

    • 5 X 0

      6 de abril de 2019 at 22:34

      Fala sério. Tu só pode ser doente.

      Faz um comentário desses e fica retrucando os outros, negando o que aconteceu…

      kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

      Falido!

  5. Enquanto isso, fora do mundo paralelo

    6 de abril de 2019 at 11:21

    Esperem os processos de todas as rescisões dos últimos anos. A bomba vem!

    Uma gestão que acumula 100 milhões de déficit em 3 anos se sustenta jogando as coisas pra frente…

  6. Gustavo Soares

    6 de abril de 2019 at 11:07

    É só notícia ruim sobre o Inter… Tu tá de brincadeira né?

  7. Sonda

    6 de abril de 2019 at 08:17

    Não tem problema. Deixa comigo. Esse valor não é nada pra mim. Deixa que eu resolvo com o Joinville. Já virou rotina: o Inter caga e eu limpo a bunda do Merdeiros, do piffio etc…

    • Genghis Khan

      6 de abril de 2019 at 16:25

      FAZ EXATAMENTE COMO O TIO RIGO, SÓ QUE GASTANDO BEM MENOS!
      KKKKKKKKKK

  8. CABOCLO AZUL

    6 de abril de 2019 at 08:15

    Bah, isso que o Sonda perdoou 25 milhões…senão sairiam do profut…
    Dever 180 mil pro coitado do JEC? e meros 1 mi, para o coitado do xufentud?
    Estão rindo por tropeços do gremio, mas lembrem-se que logo não conseguirão pagar a folha e que não vão vender NINGUEM mais um ano…
    Então se preparem porque o “papito” não vai salvar sempre…a bomba vai estourar…calma morangada…aproveitem a fase de grupos da libertadores…aproveitem…nas oitavas será fiasco!

  9. D'alescandalo

    6 de abril de 2019 at 00:55

    Calma “mis” amigos, esta una situacion complicada, pero logo venderemos el Dorado por 100 “mijones” e acertamos essas pendências.Alem desse ai ainda “defemos” el Klaus q compramos fiado del “xufentude”. Só espero q non falte plata para bancar mis 500 contos por mês, se faltar…nem “gauchón” jo voi jugar.

  10. Enquanto isso, no mundo real

    5 de abril de 2019 at 22:26

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  11. João Feijó

    5 de abril de 2019 at 22:11

    meu deus devendo uma vela para cada santo mas nao perde a pose

    • Henrique Mansan

      6 de abril de 2019 at 04:13

      kkkkk verdade

    • Genghis Khan

      6 de abril de 2019 at 16:34

      O GREZEMBE TAMBÉM, INCLUSIVE COM DÍVIDAS MAIORES!
      KKKKKKKKKKKKK

  12. Falcão na ducha acariciando o peru do professor de tênis

    5 de abril de 2019 at 22:10

    Mais uma deste clubeco caloteiro, rebaixado FIFA. Inter Flowers, Falcão levava linguiça do professor de tênis, Paulão e Vitinho, Taison e Bolívar.

    • Anônimo

      6 de abril de 2019 at 00:57

      Falcão e o professor de tênis fumavam cigarro de palha juntos, o professor levava a palha e Falcão levava fumo.

    • Perdigão e Edigle

      6 de abril de 2019 at 06:19

      Perdigão e Edigle

  13. Anônimo

    5 de abril de 2019 at 22:10

    O Inter não vai dar esse arrego. O Inter precisa de grana para os juízes. O que o Inter já enriqueceu de árbitros por aí não é fácil…

Comenta ai o que achou

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Destaque