Entre pro time

Inter

D’Ale explica porque tá saindo, decepção por não jogar com Coudet, e faz criticas a conselheiros e jornalistas

Publicado

em

Ricardo Duarte/Inter

Um resumo das declarações que o D’Alessandro deu na sua coletiva onde anunciou que não vai renovar com o Inter:

  • A decisão não foi tomada há duas semanas. Faz muito tempo que vem pensando e sua decisão não tem nada a ver com eleição, com o treinador, grupo ou nada. Tem a ver com a sua cabeça.
  • Vai seguir jogando porque seus números são bons. Ele está há 11 meses sem nenhuma contratura muscular. Isso com o treinador exigia muito no treino físico. Então, como sua cabeça ainda é como jogador de futebol, vai continuar.
  • Não está fechando as portas para o clube porque gostaria de algum dia voltar nem que seja para apenas um jogo. Está deixando as portas abertas, mas sabe que vai depender de quem estiver comandando o clube nos próximos anos.
  • O que é frustrante é não poder se despedir da torcida como deveria porque não tem como o torcedor estar no estádio.
  • Mesmo sem título, mas se conseguiu muita coisa desde 2016. Uma reconstrução. E isso ele fez parte. Ele viveu, da porta pra dentro, tudo que aconteceu.
  • Pra onde vai? Pro Celta ele sabe que não irá… Coudet continua sendo amigo dele e isso não vai acabar. Mas eles sabiam que não tinha nada a ver a amizade entre atleta e treinador. A amizade ficou fora de campo.
  • E, sim, gostaria de ter sido mais aproveitado. Tanto, que teve uma conversa com ele sobre isso. Até pela proximidade que tem como ele. Ambos passaram suas ideias, seus pensamentos. Ele nunca reclamou. Sempre estava pronto para entrar nem que seja cinco, dois, três ou cinco minutos.
  • A saída do Coudet foi ruim para o grupo. Não tem como não ter instabilidade, um momento de desorganização.

D’Alessandro ganhou camisa personalizada da direção – Ricardo Duarte/Inter

  • Conhece o presidente Medeiros desde 2013 e dispensa comentários como pessoa. O Rodrigo Caetano também conheceu há dois anos e nada a falar. Citou também Alexandre Barcellos, Alessandro Barcellos, Roberto Melo, Fernando Carvalho e Luigi que dispensam comentários como dirigentes e pessoas.
  • Aprendeu nestes 12 anos de Inter que nem todo mundo é colorado. Nem todo mundo pensa no bem do clube. Gostaria do Inter mais unido.
  • Como prova da falta de união, leu um tuite do sr. Luciano Pontes, candidato a conselheiro, que postou o seguinte: “Esse gringo 171, idoso, que se arrasta em campo.”
  • Se defendeu que ele, candidato ao Conselho, pode não gostar do futebol, do que o D’Ale tá entregando em campo. Mas tem que respeitar a pessoa, ele nunca faltou o respeito com o clube. O Twitter é o lugar dos covardes. É muito fácil falar mal do clube quando perde dois ou três jogos. O colorado de verdade não fala mal do clube ou pelo menos não se manifesta.
  • Agradeceu o técnico Abel Braga por ter voltado. Ele não precisava vir para dar uma força para o clube. E os jogadores estão pra ajudar ele.
  • Gostaria sim de voltar um dia para encerrar a carreira.
  • Formador de opinião não pode ser um cara que vive do Youtube. Ele pode opinar, mas tem que ter nível para ter uma critica construtiva. Não pode chamar alguém de burro, como ele garante que já foi chamado.
  • Até o último dia que estiver aqui, vai blindar o vestiário. O vestiário não desandou e não vai desandar.
  • É o sexto ano político que ele vive no clube e sempre aparecem os mesmos colorados para bater, criticar, colocar problemas no vestiário que eles não tem.
  • Reclamou que o comparam com caras que tem cinco anos a menos que Ele. Com jogadores que tem 34 ou 35 anos. Ele tem 39 e vai fazer 40 anos em cinco meses. É difícil alguém na posição dele jogar até essa idade.
  • Pensa que, se for pra comparar, era pra comparar com o Nenê, do Fluminense. Esse sim está jogando até os 40 e jogou 80 minutos ontem. É craque. Tem 15 gols na temporada. Sabia que ele iria se dar bem com o Papito.
  • Odair, por sinal, foi o cara que mais entendeu os momentos dele nos últimos anos. Por isso, vai levá-lo pro resto da vida como amigo.
Facebook Comments

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Destaque