Entre pro time

Grêmio

Renato responde sobre Gabigol, ligou para o Diego Costa, saída do Pavón e auxiliar contratado

Publicado

em

Lucas Uebel/Grêmio

Resumo da coletiva do Renato após a vitória contra o Fluminense:

  • Gabigol é muito distante do Grêmio, pelo salário que ganha. Pelas condições financeiras.
  • Na hora certa, todos vão saber quais serão os reforços. Estão se mexendo, o torcedor pode ficar tranquilo.
  • Falou com o Diego Costa, ele vai voltar em breve. Soma-se a volta do Villa e do Soteldo e o Grêmio vai ficar muito forte. 
  • Por isso que pediu para o torcedor não pode se desesperar.
  • Sabem que estão devendo, precisam melhorar, mas só com a ajuda do torcedor é que vão conseguir.
  • O mais importante agora é conseguir resultados, até que todos os jogadores voltem. Quando tiver opções, ai, poderá ter plano A, B ou C de jogo.
  • Sempre pediu para os jogadores não se questionarem pelo momento. Não era pra se questionar porque uma hora a bola iria entrar. Agora, com as vitórias, todos acreditam mais.
  • Aquele protesto que aconteceu na chegada na concentração, não é a torcida do Grêmio. Quem vive no futebol, sabe o porquê aquilo aconteceu. Então, não vai criticar a torcida do Grêmio. O presidente vai baixar os ingressos para quinta, querem trazer mais gente. 
  • Pavón jogou bem e voltou a ser o jogador que chegou no Grêmio. As notícias que saíram, foram noticiadas na Argentina. Nada sobre saída surgiram no Grêmio. Não teve nenhum papo de saída no clube.
  • James Freitas tá vindo para ser o auxiliar permanente do Grêmio. Desde 2022, quando ele saiu, queria a sua permanência. Naquela época, ele preferiu sair. Agora, está voltando.
Facebook Comments
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Destaque